Cabides de madeira e garrafas PET são tranformados em luminárias no Canadá

Posted on 29/09/2009

0


a3_organelle

Renata Nascentes

A ideia partiu dos designers Courtney Hunt e Alex Witko, que trabalham na Organelle, um pequeno estúdio localizado em Vancouver, no Canadá.

O desafio era desenvolver projetos econômicos e ambientalmente corretos, e o resultado foi a criação de uma linha de produtos a partir de material desperdiçado, a maioria encontrada no lixo.

Ao reutilizar cabides de madeira e resina, por exemplo, os designers projetaram as luminárias da linha Hangelier.

Já as da linha Bottle Chandelier foram feitas com garrafa PET e outros objetos, como lacres de plástico, aros de bicicleta e arame galvanizado.

“Nós estamos constantemente à procura tanto de objetos capazes de se adequar a desenhos já projetados quanto de resíduos dos quais possam derivar novos conceitos” contam Hunte e Witko.

“Esse processo não-linear é a base da nossa metodologia e permite que possamos nos adaptar aos fluxos de materiais e requisitos dos projetos”, completam.

Além da preocupação com o meio ambiente, Curtney Hunt e Alex Witko desenvolvem um trabalho humanitário.

A linha de luminárias Hangelier é usada para arrecadar fundos para o Centro Saúde da Mulher, em Vancouver.

No mercado, as peças custam entre US 275,00 e US$ 300,00, algo entre R$ 490,00 e R$ 540,00.

Os produtos podem ser comprados pelo site Etsy.

il_430xN.91728637 (1)

il_430xN.91728286

il_430xN.91725595

Fonte: Ecodesenvolvimento

Anúncios
Posted in: Consumo